Sírios numa jornada incerta

30dias.org

Até recentemente, a Síria era um país estável e próspero. As crianças iam para a escola e jovens iam para a educação superior. Sob o governo de Assad, minorias religiosas e étnicas viviam em paz com a maioria de muçulmanos sunitas.

Com a vinda da Primavera Árabe, a situação mudou dramaticamente. Em 2011, uma guerra civil começou e se tornou pior a cada ano. Mais da metade da população fugiu de suas casas – e entraram em uma jornada incerta. Muitos fugiram dentro do país para casas de parentes e amigos. Mais de 4 milhões agora vivem em países vizinhos que lutam para acomodá-los.

Ninguém sabe o que o futuro reserva. Mas, essa jornada incerta também tornou possível que os muçulmanos escapassem de um ambiente social restritivo. Isso permitiu que eles demonstrassem interesse na fé cristã de forma mais aberta. Além do mais, as coisas terríveis feitas pelos extremistas do Estado Islâmico desafiam muitos muçulmanos a questionarem os valores de sua religião.

Muitos muçulmanos estão abertos agora para convites de igrejas que oferecem a eles amor na prática, demostradas através da distribuição de comida, cobertores, aquecedores e aconselhamento. Em algumas áreas, igrejas estão cheias de novos crentes, em outras áreas há abertura e muitas oportunidades para se falar sobre fé.

Uma família em Beirute contou como eles fugiram da Síria para o Líbano, deixando tudo para trás. Eles viviam em um pequeno apartamento. É difícil alimentar toda a família e seus filhos não podem ir à escola todos os dias. Mas, entre essas circunstancias, eles dizem:

VAMOS ORAR:

Ore pelo fim dos conflitos na Síria. Humanamente falando, isso parece impossível. Mas Deus pode todas as coisas.
Ore pelos milhões de refugiados e suas necessidades físicas e psicológicas.
Para que a igreja responda com todo o coração para ajudarem e apoiarem os refugiados com necessidades imediatas e regulares conforme eles são integrados em seus novos lares.

Mais informações como essas aqui >>

Deixe uma resposta